/
/
As atitudes dos profissionais de crédito em um presente desafiador e um futuro incerto.

As atitudes dos profissionais de crédito em um presente desafiador e um futuro incerto.

O crédito vem a cada ano se tornando um instrumento chave nos negócios das CIAS, interessante observarmos que estes movimentos são compostos de: softwares, robôs, metodologias, Inteligência de Máquina ou seja uma nova realidade que atua como um catalizador nas transformações comportamentais dos profissionais da área de crédito.

Profissionais com atitudes REATIVAS precisam se transformar em profissionais com atitudes PROATIVAS, caso contrário está fadado a desaparecer por não acompanhar as novas demandas do mercado.

O objetivo deste artigo é uma  reflexão sobre a realidade que não tem mais volta, se não for vencida, deixará para trás os profissionais resistentes.

Baseado em anos de experiência na área de automação de crédito, tomada de decisão por robôs e modelagem de mais de 500 políticas de crédito, semanalmente estaremos compartilhando um pouco mais sobre estes comportamentos, promovendo debates e buscando soluções.

Para termos os melhores resultados, contamos com seu comentário, aproveite e enriqueça cada artigo, sugira novas pautas que estaremos trabalhando nas próximas semanas.

Continue a leitura e confira!

Só compartilhando podemos aprender

Cada comportamento, cada atitude dos profissionais interfere diretamente nos resultados da CIA. Esta metodologia cria o conceito das melhores decisões de crédito, que é o equilíbrio entre: SEGURANÇA, RAPIDEZ, ECONOMIA E APOIO A VENDAS.

Abaixo destacamos 7 pontos polêmicos, que sem dúvidas representam um grande ponto de diferença entre as soluções de profissionais de atitudes REATIVAS / PROATIVAS.

Abaixo ressaltamos as ações relacionadas ao setor comercial interno e externo

O departamento financeiro deve ter em mente que seu principal cliente é o departamento comercial, ou seja, um cliente interno. Sabemos que nem sempre estas relações fluem com eficiência e agilidade dentro da empresa.

Você já pensou quem perde com isso?

Cada setor precisa ter sua autonomia,  juntos podem chegar mais longe, abaixo algumas situações tratadas com Atitudes Reativas e Proativas.

Faça uma reflexão, onde você e o seu departamento se encaixam?

Atitudes reativas

Profissionais com estas características (Reativas), tendem a tratar o departamento comercial com certa antipatia, pois em sua visão “TODO” setor comercial só quer vender e o resto é problema da CIA.

Ficam evidentes algumas visões distorcidas, estas nos levam a decisões que desrespeitam os aspectos da melhor decisão de crédito, o equilíbrio entre SEGURANÇA, RAPIDEZ, ECONOMIA E APOIO A VENDAS.

Normalmente profissionais com comportamentos Reativos, são a personificação das políticas de crédito (ele mesmo é a politica), criando pequenos feudos dentro da estrutura das CIAS, imaginando que assim estão garantindo sua perpetuação.

A grande questão é que estes comportamentos estão fadados ao fracasso, pois não focam nas necessidades da CIA, não permitem o trabalho em equipe, por isso estão sendo sistematicamente combatidos. Estes profissionais possuem extrema capacidade generalizar, ao invés de criar soluções, verdadeiro “cão de guarda” do crédito.

sso mais novo material super atual sobre a LGPD.

CTA horizontal 1

Importante pensar: Se presarmos apenas pela SEGURANÇA (medo da perda), se tomarmos decisões demoradas e que restritivas do ponto de vista de crédito, afetamos os aspectos da RAPIDEZ e do APOIO A VENDAS, ou seja: não estamos tomando as melhores decisões de crédito.

Lembre-se, a CIA precisa receber, mas precisa vender também e criar soluções para estes clientes sem crédito, é uma missão, por isso precisamos ter métodos e decisões automatizadas e cada vez mais rápidas, para focarmos nas exceções.

Atitudes proativas

Profissionais estas características (Proativas), tratam o departamento comercial como um cliente interno, estão sempre antenados nas movimentações do mercado e sabem que em momentos de crise o departamento comercial precisa ainda mais do seu apoio.

Ficam evidentes visões alinhadas com as necessidades e regras da CIA, respeitando os aspectos da melhor decisão de crédito (que é o equilíbrio entre SEGURANÇA, RAPIDEZ, ECONOMIA E APOIO A VENDAS).

Normalmente, profissionais com comportamentos Proativos, tornam as políticas de crédito de domínio da CIA, pois sabem que as situações adversas afetam seu julgamento.

Sabem que é fundamental ter políticas claras e sistematizadas que ajudam a amenizar as generalizações e pressões que levam ao equívoco e atitudes como estas, mostram liderança e são muito bem vistas pela CIA.

Precisamos equilibrar nossos comportamentos

Se queremos ser profissionais imprescindíveis para nossas CIAS, em um presente desafiador e um futuro incerto, precisamos equilibrar nossos comportamentos e buscarmos soluções que nos permitam gerir a carteira de clientes com a SEGURANÇA necessária para mantermos os números projetados, com a RAPIDEZ de aprovação que o mercado exige, com a ECONOMIA imposta por nossas estruturas de custos e fundamentalmente APOIANDO VENDAS, que é o verdadeiro objetivo de analisar crédito.

Reflita sobre isso. Para que analisamos crédito? Para simplesmente fazermos negócios.

Gostou do assunto? Veja abaixo o que preparamos para você entender as suas necessidades do seu negócio, entre em contato, esperamos por você!

cta 2 consultoria gratuita

Para não perder os próximos conteúdos, aproveita a sua visita ao nosso blog e segue as nossas redes sociais. Estamos no FacebookInstagram, YouTube e Linkedin.

Até mais!

Cristoffer Medeiros 

Deps – Além da análise de crédito

Compartilhar:

Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter

Preencha o formulário que
entramos em contato com você.

DPO: Simone Silvano